Notícias

01 de outubro de 2021

Nossa horta voltou a respirar!

O primeiro sopro foi dado por iniciativa e cuidado de colaboradores do Gteia - Grupo de Trabalho, Envolvimento e Iniciativa Ambiental, que colocaram a mão na massa... ou melhor, na terra! Cavando, adubando e replantando espécies na horta do Colégio!!

WhatsApp-Image-2021-09-11-at-14-13-10-1-.jpeg WhatsApp-Image-2021-09-11-at-14-13-11-1-.jpeg Screenshot_6.jpg

Durante o distanciamento social, momento em que o Colégio estava fechado, a horta ficou sem cuidados. Porém, o professor de Biologia do 7º ano e integrante do Gteia, Diego Marquioli, já havia iniciado um trabalho com os estudantes. No ensino remoto, o professor apresentou aos alunos a composteira como alternativa para reduzir os impactos ambientais nos ecossistemas.

Em casa, ao invés de jogarem restos de hortaliças, cascas de vegetais e outros resíduos orgânicos apropriados no lixo comum, essas sobras poderiam ser colocadas na composteira contendo minhocas, onde são transformadas em um excelente adubo, o húmus de minhoca.

Para verificar a ação do húmus de minhocas sobre o crescimento de plantas, outra prática foi realizada pelo professor Diego em sua casa, ainda em maio. Na ocasião, algumas alfaces foram plantadas em solos contendo apenas terra vegetal e outras alfaces foram cultivadas em solos compostos de terra vegetal e húmus de minhocas. O experimento comprovou que as alfaces plantadas em solos contendo húmus se desenvolveram muito mais e em maior velocidade em relação às outras plantas. 

Com o retorno das aulas presenciais, as hortaliças plantadas foram trazidas ao Colégio, para que os alunos pudessem acompanhar o seu crescimento. Elas produzirão sementes que poderão ser depositadas agora na terra tratada pelos colaboradores do Gteia, na horta do Colégio.  

E assim recomeçamos... alunos e professores dando vida à horta e com esperança na renovação, na vida!

Quer aprender como fazer a sua própria composteira? Confira a oficina do professor Diego no vídeo abaixo.

Compartilhe