Memórias Urbanas

22 de maio de 2019

O Colégio Santo Agostinho valoriza a dimensão crítico-transformadora do ser humano, e, como se sabe, a interação com o meio cultural e social gera condições para a construção de posicionamentos críticos e transformadores. Considerando-se essa dimensão, alunos e professores do 8º ano do EF desenvolvem o projeto Memórias Urbanas que, por meio de Trabalhos de Campo, possibilita às turmas conhecerem o processo da formação histórica da cidade de Belo Horizonte, suas diferentes manifestações culturais e patrimoniais, despertando, assim, um sentimento de pertencimento ao espaço urbano em que vivem.

Visando ao desenvolvimento desse olhar crítico e ao conhecimento dos valores históricos e culturais da cidade, o Trabalho de Campo possibilita aos alunos conhecer diversos locais da nossa cidade: Mineirão e Museu Brasileiro do Futebol, Museu Inimá de Paula e Mirante de Arte Urbana da Sapucaí, Conjunto Arquitetônico da Pampulha, Mercado Central, Igreja Nossa Senhora da Boa Viagem e Igreja São José, Praça da Liberdade e Biblioteca Pública Estadual Luiz de Bessa. 

Como culminância do Trabalho de Campo, os alunos produzirão uma revista, a qual será lançada por meio de um Sarau e abordará a importância sociocultural e histórica da cidade de Belo Horizonte enquanto espaço de construção da memória urbana. 

Todos os anos, um lindo Sarau literário, com música, dança, teatro e poesia marca o lançamento da revista virtual Memórias Urbanas e o encerramento desse Projeto. Leia aqui a Revista produzida em 2018.

Assista ao vídeo abaixo e veja como foi o Sarau de 2018.